Como usar a Gamificação para impulsionar o varejo?
Você provavelmente, pelo menos uma vez, já procurou prêmios aleatórios em tampinhas de garrafas ou em palitos de picolé. Esse tipo de estratégia, embora pareça infantil, funciona tão bem em adultos quanto em crianças, porque ativa dois circuitos básicos do cérebro humano: competitividade e recompensa. Toda vez que você compra em uma loja, porque ao completar 10 pedidos você ganha o décimo primeiro de graça, você “caiu” sem perceber no processo de gamificação. Essa estratégia integrada à tecnologia de mapas digitais e GPS Indoor, se torna uma poderosa ferramenta de marketing, funcionando como um caça ao tesouro, dentro das lojas!

Há alguns anos, um joguinho de celular virou notícia mundial: Pokémon Go. Esse jogo lançado para smartphones, foi o responsável pela popularização de games baseados em geolocalização, unindo o digital ao mundo físico, criando assim, uma realidade phygital. Os jogadores eram incentivados a andarem pelas ruas a fim de capturar o maior número de pokémons, sendo imediatamente recompensados pelo jogo.

A grande sacada, no entanto, foi disponibilizar para empresas a possibilidade de pagarem a plataforma, para seus estabelecimentos virarem “pokestop”, ou seja, lugares com grandes concentrações de pokémons para serem capturados. Isso fez com que as vendas nesses lugares dobrassem em comparação com o mesmo período de anos anteriores.

Podemos dizer, que esse acontecimento deu início a gamificação móvel. Onde a tecnologia presente nos smartphones, foi aplicada ao varejo físico, promovendo uma interação entre os dois mundos(físico e digital).

Mas vamos do começo…

O Que é Gamificação?

Gamificação é o processo de inserção da mecânica do jogo em contextos que não estão relacionados a jogos, mas que tem o propósito de engajar pessoas, fazendo-as cumprir metas determinadas. Ou seja, tudo aquilo que contém elementos típicos de jogos, como pontos e regras, despertando em nós, sentimentos de realização e competição, ao longo de um processo, é chamado de gamificação.

Essa estratégia vem sendo amplamente difundida entre as marcas para desenvolver habilidades e competências nos seus funcionários, assim como para atrair clientes qualificados e engajados.

Tudo o que transforma uma experiência em algo lúdico, tem o poder de criar interação e envolvimento. Por isso, cada vez mais a gamificação tem sido introduzida em setores como educação, varejo e saúde. No mundo dos negócios, ela tem o poder de atrair novos clientes e fidelizá-los, ao mesmo tempo em que fornece insights sobre como os compradores se envolvem com sua marca. O segredo está em propor um desafio e recompensar o jogador logo em seguida.

Como Criar um Circuito de Recompensas?

O sistema de recompensas cerebral foi descoberto nos anos 50 por um médico chamado James Olds. Esse circuito é responsável por identificar sensações que promovem o prazer e o bem estar. O objetivo do nosso cérebro é ativar esse sistema, de forma rápida e prática. Isso explica porque estamos sempre em busca de pequenas doses de prazer e porque adoramos recompensas! O próprio ato de compra, já é interpretado pelo cérebro como um prêmio. Quando adicionamos ao pacote, brindes, descontos ou programas de fidelidade, potencializamos isso. Por essa razão, é importante pensar em maneiras criativas de gamificar pontos de venda físicos. Mas lembre-se, as recompensas tem que ser reais! O maior erro das marcas ao criar um sistema de gamificação é oferecer recompensas virtuais, sendo que o seu valor precisa ser real e tangível ! Uma ótima oportunidade para isso é aproveitando os serviços baseados em localização.

Integrando os Serviços de Localização Indoor

A popularidade do Pokémon Go, nos mostra o quão poderoso é unir entretenimento a localização. E porque não transformar essas duas coisas em ferramentas para impulsionar o varejo físico?

O GPS conectado aos nossos celulares, revolucionou a oferta de produtos e serviços, utilizando a nossa geolocalização. O problema, é que o GPS só funciona em locais abertos.

Por isso, para estender essa experiência, a localização indoor se propõe a encontrar pessoas e pontos de interesses dentro de locais internos, trazendo valiosos serviços baseados em localização.

Em um shopping, por exemplo, já é possível usar a localização do visitante para guiá-lo por onde ele queira ir, através do GPS Indoor. Esse serviço, cria rotas em tempo real a partir do ponto onde o usuário se encontra até o destino final.

A mesma tecnologia pode ser usada para criar uma espécie de caçada ao tesouro, dentro das lojas. Através do mapa digital do estabelecimento, o cliente ao andar pelo ponto de venda, pode encontrar no mapa, um número x de pistas que lhe darão recompensas. Enquanto isso, ele percorre toda a extensão da loja, conhecendo mais produtos de forma lúdica e despretensiosa. 

A realidade aumentada é outra possibilidade de incrementar a brincadeira. Dessa forma, você terá clientes “caçando” cupons e descontos em suas lojas, do mesmo modo como jogadores de Pokémon Go.

Porque Investir na Experiência do Usuário?

Existe um ditado popular que diz que um cliente satisfeito, conta para três pessoas sobre sua experiência positiva na loja, ao passo que um cliente insatisfeito relata para 11 pessoas sua experiência negativa. Essa premissa, nos mostra que além de conquistar novos clientes, é preciso fidelizar os já existentes. E com a alta competitividade no mercado,  a melhor forma de fazer isso é prestando atenção na experiência do cliente.

 Experiência do cliente é todo e qualquer contato que ele venha a ter com a sua marca, abarcando toda a jornada de compra. É conhecendo o seu cliente, que você descobre do que ele gosta e do que precisa, para ter insights melhores de como oferecer isso a ele.

Investir em inovação é sempre uma ótima forma de elevar a experiência do cliente. A revolução digital já aconteceu. A maior parte da população mundial está conectada 24 horas por dia à internet. Nossos smartphones reúnem as mais modernas e diversificadas tecnologias e isso mudou a forma como consumimos tudo. Aproveitar esse recurso para melhorar a experiência dos usuários, tanto em shoppings, quanto em hotéis, hospitais, ou qualquer outro lugar onde se preste um serviço, em breve vai deixar de ser um diferencial, e vai passar a ser a regra! Os estabelecimentos físicos precisam e devem acompanhar os benefícios gerados pelo digital, a fim de estabelecer de uma vez por todas uma realidade híbrida. Onde o digital complementa o mundo físico e divide o mesmo espaço.

Hoje em dia, os clientes já esperam que os estabelecimentos ofereçam as mesmas facilidades de compra encontradas no meio online, e por isso é importante também oferecer uma comunicação omnichannel.

Sendo assim, estratégias de gamificação tem o objetivo único de transformar a experiência do cliente e conduzi-la ao nível máximo de satisfação. Através do mapa digital do estabelecimento, integrado às tecnologias de localização indoor em tempo real, é possível criar uma espécie de caça ao tesouro, onde o cliente navega pela loja seguindo as pistas contidas no mapa digital, em busca de cupons de descontos ou condições especiais.

É possível criar “caçadas ao tesouro” a partir de um mapa indoor do estabelecimento. Essa ferramenta, integrada às tecnologias de localização em tempo real, permite que o visitante navegue pela loja à procura de brindes e ofertas especiais.

Como Podemos te Ajudar?

A Zapt Tech é uma empresa que tem como propósito revolucionar espaços, tornando ambientes físicos, de comuns em extraordinários! Somos pioneiros nas tecnologias de localização Indoor e mapas digitais e somos especialistas em desenvolver ferramentas de alta performance, que geram valor e resultados!
Para saber mais, entre em contato.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *